Total de brasileiros com acesso à internet atinge 77,8 milhões

O acesso à internet em qualquer ambiente (domicílios, trabalho, escolas, lan houses ou outros locais) atingiu 77,8 milhões de pessoas no segundo trimestre de 2011, segundo o IBOPE Nielsen Online. Esse número é 5,5% superior ao do segundo trimestre de 2010 e 20% maior que o do segundo trimestre de 2009.


Do total de 61,2 milhões de pessoas com acesso no trabalho ou em domicílios, 45,4 milhões foram usuários ativos em agosto de 2011, o que significou um crescimento de 9,2% na comparação com os 41,6 milhões de agosto de 2010.

O tempo de uso do computador com internet também continuou crescendo e chegou a 69 horas por pessoa em agosto, representando um aumento de 6,4% em relação ao mês anterior.
O crescimento do total de usuários continua a ser maior na internet domiciliar. Considerando somente os usuários ativos em residências, o número passou de 32,3 milhões em agosto de 2010 para 37 milhões em agosto de 2011, uma expansão de 14,4% no período.

A subcategoria Comunidades, em que se classificam os sites de redes sociais, fóruns, blogs, microblogs e outras páginas de relacionamento, chegou a 39,3 milhões de pessoas, equivalente a um alcance de 87% dos internautas de agosto. Esse alcance posiciona os sites sociais como a terceira subcategoria em número de usuários e mantém o Brasil com o maior alcance em sites de comunidades entre os dez países acompanhados com a mesma metodologia.

Excepcionalmente, o IBOPE Nielsen Online este mês divulgou o número de usuários únicos dos sites sociais. Em agosto, o Facebook atingiu 30,9 milhões de usuários únicos, ou 68,2% dos internautas no trabalho e em domicílios, equiparando-se ao Orkut, o maior site social no Brasil, até então, que registrou alcance de 64%, ou 29 milhões de usuários. O Twitter também manteve tendência de crescimento no Brasil e em agosto marcou 14,2 milhões de usuários únicos, ou 31,3%.

Com esses resultados, o Brasil se consolida como um mercado com elevada utilização de sites sociais, com uso diversificado, refletindo o interesse dos brasileiros pela internet. O expressivo engajamento dos internautas brasileiros pelos sites sociais, como mostra a ferramenta de monitoramento de discussões online, BuzzMetrics, inclui menções a produtos, serviços ou marcas, proporcionando uma considerável oportunidade de relacionamento com consumidores. Em agosto, em média, cada usuário brasileiro de redes sociais conectou-se a esses sites por um tempo de 7 horas e 14 minutos.

*Com informações do Ibope Nielsen

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...